Refinação e Comercialização

 
​​

Fases do Projecto


O plano de execução da Sonaref envolve quatro fases:
  1. FEED (Serviços de engenharia de projeto de pré-detalhamento)
  2. EPC (Engenharia, Procurement e Construção)
  3. Comissionamento
  4. Funcionamento
Há que ter em conta que o FEED (leia-se 'FID') e o EPC estão a ser realizados em simultâneo, pois para poder cumprir com o cronograma do projecto, já teve início parte dos trabalhos de Engenharia de Detalhe e Procurement.

Comissionamento
Antes de se iniciar o arranque e funcionamento da fábrica torna-se indispensável verificar o funcionamento individual de cada instrumento e equipamento rotativo, assim como do sistema integrado de segurança da refinaria. Durante esta actividade, torna-se também implícita a aprendizagem de diversas equipas de intervenção na comunicação e coordenação do arranque da mesma.

​​

Arranque da Sonaref


Só será efectuado depois de assinado o dossiê final do comissionamento, comprovando que tudo foi testado e verificado. A fase de arranque não obedece a uma planificação estrita já que é sempre difícil imaginar quanto tempo se pode levar a colocar a fábrica operacional com todos os ajustes que naturalmente se impõe quando se arranca pela primeira vez uma fábrica. Numa escala de tempo, estima-se que num espaço de aproximadamente 45 dias poder-se-á efetuar o arranque.

Devemos relembrar que a Sonaref está a ser construída em duas fases, sendo que para o arranque da primeira fase está previsto para 2015 com 9 unidades de processo e um ano depois serão instaladas as 11 unidades restantes.

​​
​​

Feed e EPC


O FEED consiste na elaboração do estudo de base e pré-detalhe de engenharia do projecto e o desenvolvimento das actividades de licenciamento das unidades de processos. Esta fase está já a ser realizada estando a conclusão prevista para Setembro de 2010. Assim sendo, foram assinadas 14 das 20 unidades que requerem licenciamento e acordos de engenharia para a Sonaref na 1ª fase. As demais unidades, não requerem licenciamento e serão essenciais para o arranque da 2ª fase.

A fase de EPC (Engenharia, Procurement e Construção) reagrupa três actividades distintas por estarem estritamente relacionadas.

  • Engenharia - a engenharia de detalhe é realizada com base no projecto do FEED e consiste em analisar o FEED com o objectivo de aprofundar o estudo do projecto e assim reproduzi-lo com todos os pormenores técnicos, pronto para se iniciar a construção.

  • Procurement - a compra de materiais e equipamentos é realizada com base nas especificações técnicas que são enviadas para consulta aos vários fornecedores previamente selecionados. É feita a avaliação de diversas propostas, seguindo-se as negociações e por último a aquisição dos materiais e equipamentos. Esta actividade exige uma atenção particular sobretudo no que concerne as encomendas com longa duração de fabrico.

    A planificação do transporte dos materiais e equipamentos é bastante crítica, isto devido a factores ligados ao atraso de fabrico e condições marítimas, já que praticamente todos materiais e equipamentos serão transportados por via marítima, não havendo solução melhor tanto em custos como em capacidade de transporte.